Informações Clínicas para o Público

Ejaculação Prematura

A ejeculação prematura é a incapacidade, durante uma relação sexual, de adiar a ejaculação, ocorrendo esta antes ou pouco depois da penetração (< 1 min), e que leva a sentimentos de frustração, angústia ou mesmo evicção da actividade sexual. Estima-se que ocorra em um em cada quatro homens, apesar da grande maioria não procurar tratamento.

A ejeculação prematura não tem uma causa directa e é, geralmente, o resultado da combinação de vários factores, nomeadamente a ansiedade e o stress, problemas emocionais, obesidade, fraca saúde em geral, inflamação prostática, alterações tiroideias ou predisposição genética. Pode ser primária, ocorrendo desde o início da vida sexual, ou secundária, ocorrendo de novo, geralmente desencadeada por um factor identificável.

O tratamento pode incluir terapêuticas comportamentais, medicamentos tópicos, ou medicação oral.

Tito Leitão